• Regulamentos da OET
  • INDEX OET

No âmbito de um estudo que se encontra a desenvolver, o investigador Alfredo Campos, encontra-se a recolher dados empíricos para um trabalho de investigação denominado "Trabalho, Poder e Precariedade: das relações de trabalho em emprego das profissões qualificadas", cujo objetivo é analisar as condições de trabalho, de forma comparada, de seis profissões: engenharia (engenheiros técnicos e engenheiros), advocacia, medicina, enfermagem, arquitectura e docência.

A investigação do Dr. Alfredo Campos reveste-se de enorme importância para o aprofundamento do conhecimento das relações laborais e da construção dos direitos humanos no trabalho em profissões que ocupam um lugar central na sociedade portuguesa, de que a engenharia faz parte integrante.   

A OET entendeu dever participar neste trabalho com a certeza de que a captação de informação acerca das perceções dos profissionais de engenharia sobre os principais desafios inerentes à sua profissão, irá contribuir de forma significativa para o engrandecimento da investigação feita em Portugal (e além-fronteiras). Por outro lado, consideramos insuficiente a investigação que se faz hoje em dia sobre a prática da engenharia, motivo pelo qual acolhemos com satisfação o presente pedido.

Assim, apelamos à resposta por parte de todos os engenheiros técnicos ao questionário online que implementa a recolha de dados empíricos deste trabalho: http://inqueritos.ces.uc.pt/index.php/783266?lang=pt (o questionário estará ativo até 15 de julho)

Como não podia deixar de ser, está assegurado o total anonimato dos inquiridos e o tratamento dado às respostas obtidas tem propósitos estritamente científicos.